Marchetaria bandeja de madeira

Tatu, jacaré, paca e capivara. Animais do Pantanal, do cerrado e das matas são reproduzidos ainda hoje na madeira. Alguns nem são genuinamente brasileiros, como os cavalos, por exemplo. Mesmo assim, figuram entre os temas dos entalhadores. Com o tempo, os animais migraram para outras peças quadros, painéis ou mesmo uma nobre bandeja de madeira. Ganharam recorte perfeito e viraram marchetaria primorosa, com valor de obra de arte.

Os aprendizes artesão da marchetaria

Marciano era ainda um estudante de artes quando foi visitar o Capital Cultural. Nada sabia sobre madeiras, mas a sua curiosidade despertou a atenção de Luiz e ele não mais saiu de lá. Marlon já era um artesão da marchetaria, quando conheceu o pessoal do ateliê. Lá, ele desenvolve uma linha de objetos marchetados. sob a orientação de Luiz.