Roubando a cena

Em Belo Horizonte, se você perguntar por Carlos Alexandre, poucos vão saber de quem se trata. Mas se perguntar por Carico, todos os que visitaram a última Casa Cor Minas vão se lembrar do seu home theater superconfortável, onde sete chaise-longues dominavam o ambiente, cada uma com uma mesa de apoio.

Os contornos de Sofia

Ela se chama Sofia e tem formas sinuosas. Não, não estamos falando de nenhuma estrela de cinema, mas desta chaise-longue que a Feind trouxe dos Estados Unidos. O show-room e as fábricas da empresa ficam em São José, na grande Florianópolis. Além do estoque de móveis nacionais e importados, que fizeram sucesso na última Casa Cor local, a loja tem uma equipe de decoradores para orientar os clientes.

Rústica e atraente chaise-longue

O casamento entre ferro não-tratado e vime, promovido por Pedro, da PS Atelier, resultou primeiro em uma cadeira e, em seguida, em um sofá. Sua mais nova criação com materiais rústicos é esta chaise-longue – peça que se encaixa com precisão em varandas, terraços ou jardins internos. O móvel exige alguns cuidados extras de conservação quando colocado em ambientes externos, como a aplicação de resina na estrutura de ferro e de verniz no vime, pelo menos a cada dois anos.