Paris modernista

Utilizando como referência a Paris modernista dos anos 20, que tinha como principal destaque o arquiteto Le Corbusier, o roteiro ganhou um tempero fantasioso para apontar, sobretudo, os exageros quase ditatoriais do estilo terceirizado e copiado em massa pelos decoradores daquela época, em detrimento da pessoalidade.

Esse post foi publicado em Antiguidades e marcado por admin. Marcar link permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>