Chão de cimento queimado

O amplo espaço era, há questão de dois anos, a oficina do proprietário Paulo Ribeiro Pereira, especialista em comprar, vender e restaurar peças de antigüidade. Daí se explica a ausência de cômodos exceto a suíte do casal e um lavabo e o chão de cimento queimado, que segue sereno mesmo tendo lá seus respingos de tinta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>